Friedrich-Karl Freiherr von
Dalwigk zu Lichtenfels

(1907 - 1940 ?)


Major
St.G 76 e St.G 77
Desaparecido em ação

De ascendência nobre, Friedrich-Karl Freiherr von Dalwigk zu Lichtenfels foi um dos primeiros pilotos de Stuka a integrar a Luftwaffe durante os anos do rearmamento alemão. "Küken" (como era jocosamente chama-do pelos colegas) nasceu em Torgau, próximo ao rio Elba em 1º de abril de 1907 e juntou-se oficialmente à Luftwaffe em 01.10.1933.

Após concluir seu treinamento em 1936, von Dalwigk zu Lichtenfels foi designado para o Stab do II/St.G 162 (Gruppe II da Stukageschewader 162) no posto de Oberleutnant. Em seguida, a unidade foi renomeada para I/St.G. 167 e ele passou a desempenhar a função de Staffelkapitän do 2./St.G. 167, sendo promovido a Hauptmann em 01.03.1937. Em abril de 1938, a sua unidade foi novamente batizada, passando a ser identifica da como 2./St.G 168 e deslocada para a cidade de Graz, Áustria, com o Anschluss.

Em abril de 1939, o esquadrão recebeu a designação final de 2./St.G 76, mas von Dalwigk zu Lichtenfels foi transferido para o I/St.G 77 logo depois da Invasão da Polônia, onde se tornou o Gruppekommandeur. Ele per-maneceria no posto durante as Campanhas da Polônia e da França, vendo combate em quase todas as mis-sões efetuadas por seu Gruppe, obtendo grande sucesso ao longo delas. Com a Invasão da França, o I/St.G 77 foi transferido para a região do Canal da Mancha, realizando investidas contra os comboios marítimos ingle-ses.

Foi em uma dessas missões, em 09 de julho de 1940, que von Dalwigk zu Lichtenfels desapareceu em comba te. Durante um ataque contra navios de guerra britânicos a 20km de Portland, o Junkers Ju87 Stuka de von Dalwigk zu Lichtenfels mergulhou nas nuvens, desaparecendo logo em seguida. Segundo os relatórios da RAF, o seu avião foi abatido pelo Spitfire do Flying Officer D.M. Crook do 609th Squadron, chocando-se contra o mar logo em seguida.

Os corpos de Friedrich-Karl Freiherr von Dalwigk zu Lichtenfels e de seu Bordfunker jamais foram encontrados. Por seus feitos, ele foi promovido a Major em 19.07.1940 e condecorado postumamente com a Cruz de Cava-leiro da Cruz de Ferro em 21 de julho de 1940. Nada se sabe a respeito de seu número de missões.

Principais Ases
Principais Aviões