Wilhelm Lemke
(1920 - 1943)

Hauptmann
JG3
700 missões de combate, 131 vitórias (3 quadrimotores, 25 Il-2)
Morto em ação (04/12/1943)


Wilhelm Lemke nasceu na localidade de Arnswalde, Estado de Neumark, Alemanha, em 27 de setembro de 1920. Influenciado pelo resgate das tradições militares feito pelos nazistas após sua ascensão ao poder em 1933, ele viria a se juntar à recém criada Luftwaffe em 1939, pouco antes de completar 19 anos.

Após a conclusão do curso de piloto, Lemke foi imediatamente designado para servir junto a uma das unidades de elite da Armada Aérea: a JG 3 "Udet" (Jagdgeschwader 3), onde foi designado para o III Gruppe, então combatendo na Frente Russa.

Assim como tantos de seus colegas, Lemke obteve rapidamente um grande número de vitórias ao enfrentar os pilotos soviéticos mal treinados e equipados, que sofriam derrotas seguidas. Além disso ele acumulou rapidamente uma notável experiência em combate e, menos de um ano após sua chegada, em agosto de 1942, o Leutnant Lemke foi designado para atuar como Staffelkapitän do 9./JG 3 (9º Staffel da Jagdgeschwader 3).
(esq-dir) Emil Bitsch, Eberhard von Boremski e Wilhelm Lemke.

Poucas semanas depois, Lemke abateu o seu 50º avião adversário, feito que lhe valeu a condecoração com a Cruz de Cavaleiro da Cruz de Ferro. Durante todo o restante daquele ano, a sua unidade estaria envolvida nos sangrentos combates para a conquista de Stalingrado - que se revelariam um desastre para toda a Wehrmacht.

Mesmo diante das dificuldades que começavam minar a resistencia da Luftwaffe, o já Oberleutnant Lemke conseguiu atingir a marca de 100 vitórias confirmadas em 16 de março de 1943. Ele ainda derrubaria outras aeronaves inimigas até meados de agosto de 1943, época em que toda a JG 3 foi retirada da Frente oriental e transferida para a Defesa do Reich.

Agora enfrentando as gigantescas formações de bombardeiros anglo-americanos e suas escoltas de P-47 Thunderbolt, P-38 Lightning e P-51 Mustang, Lemke e os demais pilotos de caça da Luftwaffe viam-se em dificuldades para defender a própria Alemanha.

No início de novembro de 1943 ele se tornou Gruppenkommandeur do II./JG 3 e, em 25 de novembro daquele mesmo ano, o agora Hauptmann Lemke foi pessoalmente condecorado por Hitler com as Folhas de Carvalho da Cruz de Cavaleiro em reconhecimento à sua 130ª vitória confirmada. Ele foi o 338º soldado alemão a ser condecorado com aquela comenda.

Contudo, Wilhelm Lemke não pode comemorar adequadamente tal honraria. Alguns dias depois, em 04 de dezembro de 1943, ele foi morto em combate enquanto interceptava uma formação de bombardeiros inimigos, próximo a Nijmegen (Holanda). Havia voado cerca de 700 missões de combate, durante as quais alcançou a marca de 131 vitórias, das quais 125 foram na Frente russa (inclusive 25 IL-2), e três bombardeiros quadrimotores.




Bf 109G-6 - Hptm. Wilhelm Lemke, 9./JG 3 - Bad Worishofen/Alemanha - agosto, 1943

Ficha do Piloto
Unidades:
- Jagdgeschwader 3 - Staffelkapitän 9./JG 3 (8.42)
- Kommandeur II./JG 3 (11.43 - 4.12.43)
Aeronaves:
  - Messerschmitt Bf 109
Campanhas:
  - Frente Oriental
- Defesa do Reich
Promoções:
 
Condecorações:
- 03.11.1941 - Troféu de Honra
- 12.09.1942 - Cruz de Cavaleiro da Cruz de Ferro
- 25.11.1943 - Folhas de Carvalho da Cruz de Cavaleiro ..........................(338º)


Principais Ases
Principais Aviões