Wilhelm Herget
(1910 - 1974)

Major
ZG76, NJG3, NJG1, NJG4 e JV44
+700 missões de combate, 73 vitórias (9 na Inglaterra, 1 c/Me 262, 57 à noite)
Prisioneiro de guerra

Nascido em 30 de junho de 1910 na cidade de Stuttgart, Wilhelm "Willi" Herget era um homem de pequena estatura e aparência tão frágil que nada indicava que se tornaria um dos grandes ases da caça noturna. Tanto que ele apenas serviu durante um breve tempo no Reichswehr (o Exército da República de Weimar), antes de retornar à vida civil no início dos anos trinta, período em que obteve seu brevê de piloto.

Com a eclosão da Segunda Guerra Mundial em setembro de 1939, seu histórico de piloto rapidamente o qualificou para servir junto à Luftwaffe como reservista, recebendo treinamento de piloto de caças pesados Bf 110 - os chamados Zerstörer, sendo designado para servir como Leutnant junto ao 6./ZG76 (6º Staffel da Zerstörergeschwader 76).

Nesta unidade, Herget demonstraria uma incrível habilidade de caçador nato e um grande instinto de sobrevivência. Lutando durante toda a campanha da Blitzkrieg - que levou à derrota da Bélgica, Holanda, Dinamarca e França em pouco mais de dois meses - alcançou rapidamente suas primeira vitórias, sendo condecorado com a Cruz de Ferro de 2ª Classe. Mesmo tendo um desempenho muito bom durante a Batalha da Inglaterra quando obteve 7 vitórias confirmadas, sua unidade - e todos os Zerstörers envolvidos - sofreram pesadas baixas frente aos caças Spitfire e Hurricane da RAF. Este revés deixou claro aos pilotos mais atentos que os dias do Bf 110 como um caça diurno eficaz estavam contados, o que os levou a procurar alternativas.

Assim, em 1941, Herget, então já contando com 14 vitórias confirma-das e condecorado com a Cruz de Ferro de 1ª Classe, acabou se ofere-cen do para servir na recém-criada força de caça noturna. Após um breve treinamento, Herget foi enviado à NJG 3 (Nachtjagdgeschwader 3) ainda naquele ano, onde passou a voar em missões noturnas, enfrentan do os bombardeiros da RAF que atacavam as cidades alemãs em um número cada vez maior. Mais uma vez, o pequeno "Willi" mostrou sua eficiência e, já em 07.02.1942, após atingir a marca de 20 vitórias confir madas, ele foi condecorado com a Cruz Germânica.

Os combates noturnos prosseguiram durante todo o ano de 1942, sen-do que, ao final daquele ano o Oberleutnant Herget foi transferido para o I/NJG 4 (Gruppe I da NJG 4), onde foi designado como Gruppenkom-mandeur. Promovido a Hauptmann, seus êxitos prosseguiram de forma que, em 20 de junho de 1943, Herget foi condecorado pelo General der Flieger Kammhuber (Inspetor dos Caças Noturnos) com a Cruz de Cavaleiro da Cruz de Ferro, após alcançar sua 30ª vitória confirmada.

Mas seu maior êxito individual - e um dos maiores da história da caça noturna - viria ocorrer na noite de 20-21 de dezembro de 1943. Nesta noite, a RAF organizou um ataque de 650 bombardeiros contra Frankfurt. Alertados pelos controladores de radares, os pilotos dos caças noturnos decolaram para o combate. Em uma seqüência impressionante de vitórias, Herget abateria oito bombardeiros adversários em apenas 50 minutos!! O primeiro sendo abatido às 19:27hs e o último às 20:15hs. Um destes desafortunados bombardeiros tombou vítima de apenas quatro disparos dos poderosos canhões do avião de Herget.

Em 11 de abril de 1944, o já Major Herget atingiu a marca de 63 vitórias confirmadas, feito que o levou a ser agracia-do por Hitler com as Folhas de Carvalho da Cruz de Ferro. Ele chagaria ao final daquele ano acrescentando outras dez vitórias confirmadas ao seu score - totalizando 73 aba tes - até ser designado para o programa de aperfeiçoamen to do novo jato Me 262 em 02 de janeiro de 1945, o que o levou a deixar sua posição de Kommandeur do I./NJG 4.

Essa nova posição permitiu a Herget oferecer-se como voluntário para integrar a legendária JV44, sob comando de Adolf Galland, sendo que foi o único piloto da força de caça noturna que teve esta oportunidade. Embora não tenha obtido nenhuma vitória confirmada a bordo de um jato, Herget pôde passar pela experiência única de pilotar
a versão Me 262A-1a/U4, que era equipada com um poderoso canhão Mauser Mk214A de 50mm. Herget encerraria sua carreira, junto com a JV44, como prisioneiro dos norte-americanos, tendo permanecido em cativeiro até 1947.

Tendo voado mais de 700 missões de combate, ao longo das quais alcançou a marca de 73 vitórias aéreas (sendo 14 diurnas), o Major Wilhelm Herget veio a falecer na sua cidade natal de Stuttgart (antiga Alemanha Ocidental) em 01 de abril de 1974, pouco antes de completar seu 64º aniversário.



Bf 110E-1 - Oblt. Wilhelm Herget, 4./NJG 1 - Herdla/Noruega - fevereiro, 1942



Bf 110E-1 - Hptm. Wilhelm Herget, 9./NJG 4 - Mainz-Finthen/Alemanha - Primavera, 1942



Me 262A-1a/U4 - Maj. Wilhelm Herget, JV44 - Munique/Alemanha - 1945


Ficha do Piloto
Unidades:
- Zerstörergeschwader 76  
- Nachtjagdgeschwader 3  
- Nachtjagdgeschwader 1  
  - Nachtjagdgeschwader 4 - Kommandeur I./NJG 4 (1.9.42 - 12.44)
- Jagdverband 44  
Aeronaves:
  - Messerschmitt Bf 110
- Messerschmitt Me 262
Campanhas:
  - Blitzkrieg
- Batalha da Inglaterra
- Defesa do Reich
Promoções:
 
Condecorações:
- 07.02.1942 - Cruz Germânica em ouro
- 20.06.1943 - Cruz de Cavaleiro da Cruz de Ferro
- 11.04.1944 - Folhas de Carvalho da Cruz de Cavaleiro (451.º)



Principais Ases
Principais Aviões